16 de jun de 2014

Balões de internet do Google devem começar a operar em 2015

Há um ano o Google apresentou ao mundo seu Project Loon, que pretende levar acesso à internet a pontos afastados do globo por meio de balões que voam a grandes altitudes e transmitem sinais de banda larga ao solo.
E até então, a empresa somente forneceu atualizações sobre testes de sua tecnologia em diversas partes do mundo.

Mas em entrevista a revista Wired, Astro Teller, chefe do laboratório de pesquisas Google X, afirmou que a partir do próximo ano o programa deve iniciar suas operações de fato, permitindo o uso da internet por pessoas comuns em áreas remotas. “Em um ou diversos países, será possível ligar seu celular e ‘conversar’ com os balões”, disse Teller.

A pretensão do Google é colocar mais balões no ar e por um período maior de tempo. A empresa quer ampliar seu número atual de 100 balões no ar para 100 a cada dia. Eventualmente essa quantidade deve aumentar entre 300 e 400 balões, o que seria suficiente para cobrir grandes áreas do globo. Atualmente os balões do Google conseguem ficar até 75 dias no ar — um balão similar aguentaria até três semanas somente.

Além disso, o Google melhorou a capacidade de seus balões, adicionando a rede 4G (LTE) como sua conectividade principal ao invés do Wi-Fi. Isto permite conexões a velocidades de até 22 Mbps para uma antena localizada no solo e até 5 Mbps para um celular.

O mais recente teste realizado pelo Google foi no estado do Piauí. Pela primeira vez, a turma da nona série da escola municipal Linoca Gayoso Castelo Branco, na comunidade de Água Fria, teve uma aula com acesso à internet, enquanto um balão sobrevoava a região.

O Project Loon ainda precisa de melhorias, mas o Google está otimista com o futuro da tecnologia. Segundo a própria empresa, há mais de 50% de chances dos balões começarem a operar efetivamente em junho de 2015, quando o projeto completar dois anos de existência.


Fonte: info/abril

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...