16 de out de 2012

Nove a cada dez brasileiros têm ou querem ter um smartphone

O uso de smartphones no Brasil não para de crescer. De acordo com pesquisa divulgada pelo Ibope em agosto, cerca de 13% dos brasileiros já possuem os chamados “telefones inteligentes”. Outro estudo, realizado pela Accenture e divulgado na última quarta-feira (10), apontou que 78% dos consumidores do país desejam um gadget deste tipo. Ou seja, no Brasil, quem não tem um smartphone, quer comprar.
Fazendo uma soma rápida dos percentuais, pode-se dizer que 91% dos brasileiros já fez ou está fazendo planos de adquirir um celular da nova geração. Seja ele um iPhone, um Galaxy ou um modelo mais modesto e de preço em conta, os smartphones podem ser considerados objetos de desejo dos cidadãos do país. Muito mais do que em qualquer outro lugar do mundo, de acordo com a pesquisa da Accenture.
 
Entre os principais atrativos dos smartphones, independente de fabricante ou sistema operacional, estão a facilidade de acessar redes sociais e e-mails, navegação na web, serviços de GPS, compra de aplicativos e games, além de câmeras fotográficas e filmadoras de qualidade. Tudo isso em somente um aparelho. Hoje, o celular faz muito mais do que ligar e receber, e o brasileiro tem noção disso.
 Facilidades estimulam o consumo

Alta concorrência, sistemas de baixo custo, Lei do Bem, parcelamento facilitado, valores mais baratos atrelados a planos de operadoras… Todos estes fatores facilitam a compra de um novo celular e, assim, estimulam o consumo dos smartphones entre o povo brasileiro. Em todo o mundo, os telefones inteligentes já são uma realidade. Aqui, é um sonho cada vez mais próximo de sair apenas do imaginário.

Muitas empresas já perceberam o potencial do mercado brasileiro e investem cada vez mais em fazer com que seus aparelhos cheguem ao país de maneira rápida. Os preços dos produtos no Brasil ainda são maiores do que os cobrados no exterior, é verdade, mas aos poucos isso vem mudando. A inclusão dos smartphones na Lei do Bem, que prevê diminuição drástica dos impostos de exportação, é um passo crucial para isso. Os valores telefones podem ter queda de até 25% nos próximos meses.

Fonte:techtudo


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...