14 de jun de 2012

Usuários do Internet Explorer 7 terão de pagar taxa extra pelo uso do navegador



O site australiano de vendas varejistas on-line Kogan.com é o primeiro site no mundo a cobrar "imposto" dos usuários do navegador internet Explorer 7 (IE7) da Microsoft.

A partir de agora, os clientes que usarem o IE7 terão de pagar uma taxa extra sobre compras on-line feitas por meio do site da empresa.

O Presidente-Executivo da empresa, Ruslan Kogan, disse à BBC que ele queria recuperar o tempo e os custos envolvidos em "tornar o site compatível com um navegador antigo".

A taxa foi definida para 6,8%, correspondendo a 0,1% para cada mês cotados desde o lançamento do IE7. Além disso, a cada mês, a taxa aumentará em 0,1%.

IE7 = Custo elevado

Segundo o Sr. Kogan a idéia nasceu quando a empresa começou a trabalhar na melhoria do site de vendas on-line. Segundo ele, apesar de apenas 3% de seus clientes usarem a versão antiga do navegador da Microsoft, sua equipe de Tecnologia vivia ocupada desenvolvendo adaptações para fazer com que as páginas fossem exibidas corretamente no IE 7.

"Eu estou constantemente junto à equipe de desenvolvimento da web. A quantidade de trabalho e esforço envolvidos em fazer o nosso site parecer normal no IE7 se iguala ao tempo necessário para projetar e desenvolver para os outros 3 navegadore Chrome, Safari e Firefox juntos."

O Sr. Kogan disse ainda que acha improvável que alguém realmente vá pagar as taxas adicionais. Seu objetivo, no entanto, é incentivar que os usuários utilizem uma versão mais atualizada do Internet Explorer ou um navegador diferente.

O feedback que tem recebido dos seus clientes mostra que a decisão foi acertada, pois seus clientes ficaram felizes com o esforço do site em promover uma internet mais segura e com navegadores atualizados.

O IE7 foi lançado em 2006 e desde então, a Microsoft já divulgou pelo menos duas grandes atualizações para o navegador. 

Se você usa o IE7 está na hora de atualizá-lo, certo? Ou quem sabe, passar a usar outro navegador como o Chrome, o Safari e o Firefox). A decisão é sua.

Fonte: BBC-UK
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...